Chico Xavier

Home » Conheça Pedro Leopoldo » História » Chico Xavier

CHICO XAVIER

Francisco de Paula Cândido, Francisco Cândido Xavier, ou como ficou mais
conhecido, Chico Xavier, nasceu no dia 2 de abril de 1910, na cidade de Pedro
Leopoldo, Minas Gerais. Seu pai, João Cândido Xavier, foi operário da Fábrica de
Tecidos e vendedor de bilhetes de loteria. Sua mãe, Maria de São João de Deus,
lavadeira e também operária da Fábrica de Tecidos, deixou órfãos dez filhos (uma
morreu muito cedo), estando Chico, à época de sua desencarnação, com 5 anos de
idade.
Cursou apenas o ensino fundamental. Começou a trabalhar muito cedo, inicialmente
na Fábrica de Tecidos. Em seguida, trabalhou em um bar, depois em um armazém, e
após por 25 anos de serviço ininterrupto na Fazenda Modelo. Aposentou-se em 1961,
por invalidez, na cidade de Uberaba.
Catalogados pela Casa de Chico Xavier de Pedro Leopoldo estão mais de 500 livros
psicografados pelo maior médium de todos os tempos, em diferentes gêneros literários
e traduzidos em vários idiomas. Foram vendidos mais de 50 milhões de exemplares
até o momento, sendo que todos os direitos autorais sobre as obras foram cedidos a
instituições beneficentes.
Chico dedicou sua vida aos necessitados e sofredores, consagrando-se como um dos
mais importantes religiosos do Brasil e do mundo. É um dos brasileiros que mais
homenagens recebeu, pois são inúmeros os títulos de cidadania honorária, diplomas e
comendas em seu nome. Em 1981, foi agraciado com a mais alta comenda do Estado
de Minas Gerais, a “Medalha da Inconfidência”. No mesmo ano, seu nome foi indicado
ao Prêmio Nobel da Paz, com expressiva votação. Em 1995, a Câmara Municipal de
Pedro Leopoldo instituiu a “Comenda Chico Xavier. Em 1999, o governo do Estado de
Minas Gerais criou a “Comenda da Paz Chico Xavier”. Em 2000, através da Telemar e
da Rede Globo Minas, foi eleito o “Mineiro do Século”. E em 2012, através do Sistema
Brasileiro de Televisão (SBT), recebeu o título de “O Maior Brasileiro de Todos os
Tempos”, também por votação popular.
Chico Xavier faleceu no dia 30 de junho de 2002. O seu exemplo comoveu e até hoje
serve de inspiração para todos aqueles que desejam construir uma sociedade mais
justa, mais fraterna e mais feliz. Chico Xavier dizia sempre: “A melhoria do mundo
começa em cada um de nós”. (Fundação Cultural Chico Xavier – Jhon Harley)

Homenagens dos pedroleopoldenses a Chico Xavier

– Câmara Municipal de Pedro Leopoldo: “Cidadão Benemérito Pedroleopoldense”
(12/10/1967)
– Prefeitura Municipal de Pedro Leopoldo: Praça Chico Xavier (15/11/1980)

– Câmara Municipal de Pedro Leopoldo: “Comenda Chico Xavier” (agosto/1995).
Diferenciar da “Comenda da Paz Chico Xavier” do Governo do Estado de Minas
Gerais.
– Câmara Municipal de Pedro Leopoldo: “Semana Cultural Chico Xavier” (2017)

Personagens Importantes na Vida de Chico Xavier: Maria de São João de Deus (mãe),
Padre Sebastião Scarzello (confessor), Rosária Laranjeira (professora), Cidália Batista
Xavier (segunda mãe), José Cândido Xavier (irmão) e Maria Luiza Xavier (irmã).
Instituições espíritas fundadas por Chico Xavier em Pedro Leopoldo: Centro Espírita
Luiz Gonzaga em 21/06/1927 e o Centro Espírita Meimei em 31/07/1952. A primeira
instituição espírita de Pedro Leopoldo foi o Centro Espírita Amor e Luz fundado no dia
05/02/1903 com sede na Rua Dr. Herbster (residência particular), tendo como primeiro presidente Raul Hanriot.

Bibliografia Recomendada:
– Notáveis Reportagens com Chico Xavier (Hércio Arantes – IDE)
– As Vidas de Chico Xavier (Jornalista Marcel Souto Maior)
– Mandato de Amor (Geraldo Lemos – UEM)
– No Mundo de Chico Xavier (Elias Barbosa – IDE)
– Meus Pedaços do Espelho (Marlene Nobre – FE)
– O Voo da Garça e Nas Trilhas da Garça (Jhon Harley – Vinha de Luz)