Home » categoria "Noticias"
"Prefeitura de PL cria projeto Aprendiz Legal"

A Prefeitura Municipal de Pedro Leopoldo, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, anunciou nesta quinta-feira, 17, a criação do Projeto Aprendiz Legal. A iniciativa será implantada com o objetivo de modernizar o projeto Rotativo Social e, assim, oferecer aos jovens o primeiro emprego, além de cursos de formação profissionalizante na perspectiva da socioaprendizagem.

Nesta nova versão, os jovens trabalharão em funções administrativas no interior dos prédios públicos e, semanalmente, participarão de atividades voltadas para a capacitação para o mercado de trabalho em parceria com a Rede Cidadã, organização não governamental sem fins lucrativos que busca a transformação social por meio da integração entre vida e trabalho como um só valor.

De acordo com a Secretária Municipal de Desenvolvimento Social, Fátima Brasil, as inovações propostas no novo modelo podem garantir um futuro melhor para os pedroleopoldenses assistidos pelo projeto.  “Acreditamos que os jovens com perfil de vulnerabilidade social terão maiores chances de atingir a qualificação profissional ao serem inseridos numa estrutura adequada, que ofereça condições de aprendizagem e acompanhamento técnico”, explica Fátima Brasil. O Secretário Municipal de Segurança Pública, Coronel Alberto Luiz, concorda com a gestora e alerta sobre a importância desses jovens receberem um acompanhamento especializado. “Com a informatização dos parquímetros, verificou-se que estes colaboradores não estavam cumprindo o objetivo proposto pelo Rotativo Social e tampouco recebiam orientações educacionais. Agora, por meio do Aprendiz Legal, estes jovens poderão atuar num ambiente de trabalho apropriado e receberão ensinamentos que levarão para toda a vida profissional”, acredita o Secretário Municipal de Segurança Pública.

O projeto Aprendiz Legal será oferecido inicialmente aos jovens que tenham idade entre 16 e 18 anos e que vivem em situação de vulnerabilidade social. “Trabalhamos para dar oportunidades para todos, principalmente para aqueles que mais precisam. Eu comecei a trabalhar aos 14 anos e sei como foi importante para minha formação pessoal esta primeira oportunidade. Cuidar do presente desses jovens é planejar a Pedro Leopoldo que queremos no futuro”, afirma o Prefeito Cristiano Marião. 

"Programação Completa e Inscrições – Semana do Empreendedor"

Para fazer a sua inscrição, clique aqui!

Informações: 31 3660.5106 ou 98935.1425

"Semana do Empreendedor promete qualificar e inspirar empresariado da cidade"

De segunda a sexta-feira da próxima semana, a Prefeitura Municipal promove a 1a Semana do Empreendedor. O evento trará uma extensa programação voltada para toda a população, especialmente para pequenos e grandes empresários, contadores, produtores rurais e estudantes.

De acordo com o Secretário Municipal de Planejamento Urbano, João Luiz Issa, a 1a Semana do Empreendedor chega em boa hora. “A economia brasileira começa a dar sinal de recuperação. Nada mais pertinente que aguçar, neste momento, a mente das pessoas que gostam de empreender para que as mesmas iniciem de forma correta um negócio que tenha longevidade”, sugere.

Apesar de a Semana do Empreendedor começar apenas na próxima segunda, os pequenos empreendedores da cidade recebem, desde o dia 23 de abril, orientações para alavancar o próprio negócio e passar pela crise sem grandes danos. A consultoria tem sido realizada por especialistas do SEBRAE-MG. Já no último sábado (5), aconteceu o lançamento do Programa Superindividamento, que visa alertar as pessoas para as facilidades para contrair dívidas e a importância de manter o nome limpo na praça.

Para o Prefeito Cristiano Marião, o evento visa a qualificação dos empresários e produtores rurais para o aquecimento da economia da cidade. “Conhecimento é uma grande arma contra a crise. Tenho certeza que os empresários sairão desde evento com uma visão mais crítica em relação ao mercado e aos negócios”, afirma. (mais…)

"Movimento “Todos contra o pedágio” faz manifestação na Assembleia Legislativa"

Prefeitos, vereadores e moradores de Pedro Leopoldo, Confins e São José da Lapa intensificaram a luta contra os planos do Governo de Minas de privatizar a MG-424. Na última quarta-feira, 9, o movimento “Todos contra o pedágio” percorreu os 77 gabinetes da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) conclamando os deputados estaduais a apoiarem a luta contra o pedágio na MG – 424.
O grupo protocolou junto aos parlamentares um documento assinado por representantes do poder público e de entidades de classe das três cidades, além de um extenso abaixo-assinado contendo milhares de manifestações populares contrárias ao pedágio. Um dos principais pontos questionados durante a visita, sobretudo pelos representantes de Pedro Leopoldo, é a instalação de uma praça entre Vespasiano e Pedro Leopoldo, num trecho que está pronto e em boas condições de tráfego. No entendimento dos políticos e moradores, o Governo quer que a região arque com a obra de duplicação da via em Matozinhos. “Somos totalmente contra e contamos com o apoio dos deputados para que essa licitação seja cancelada. Existem muitas irregularidades e o próximo passo será uma reunião no Tribunal de Contas,” explicou o Prefeito de Pedro Leopoldo Cristiano Marião.
De acordo com o edital do pregão, adiado para início de junho, a concessão prevê a instalação de duas praças de pedágio na rodovia, sendo uma delas em Prudente de Morais e outra em São José da Lapa.
Deputados Estaduais também dizem não ao pedágio
Ainda na quarta-feira, durante a Reunião Ordinária de Plenário, parlamentares criticaram a proposta do Governo. Eles discursaram contra a concessão e destacaram, sobretudo, a cobrança no trecho entre Pedro Leopoldo e Belo Horizonte. “Esse pedágio, de mais de R$ 8, será, proporcionalmente, o mais caro do Brasil”, destacou Sargento Rodrigues (PTB). Ele lembrou que esse trecho da rodovia está pronto e nem necessita de obras. “Se for preciso, eu e o deputado João Leite (PSDB) vamos provocar o Ministério Público”, avisou.
Também reprovaram a proposta os deputados Dalmo Ribeiro Silva e Antônio Carlos Arantes, ambos do PSDB. Gustavo Valadares e João Vítor Xavier, do mesmo partido, salientaram que as cidades da RMBH são conurbadas, ou seja, suas áreas urbanas são limítrofes, muitas vezes sem uma divisão clara. “Uma mesma pessoa passa várias vezes ao dia nessa estrada. Ela depende de atendimento de saúde em BH ou leva e busca o filho na escola”, exemplificou Valadares. “É importante a sociedade se organizar. Há um trecho da estrada muito ruim, como em Matozinhos. O cidadão vai pagar primeiro para, depois, ter a promessa de melhorias na estrada”, reforçou João Vítor Xavier.

"Prefeitura reafirma compromisso com a APAE"

Um dos principais convênios firmados pela Administração Municipal foi renovado na manhã da última terça-feira (8). O Prefeito Cristiano Marião assinou o Termo de Fomento junto ao Presidente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), Reginaldo Alves Saraiva. A transferência de recursos à APAE tem por objetivo a manutenção das atividades da Escola Especial Antonino Pinto Mascarenhas. Também participaram do ato de assinatura o Vice-Prefeito Salim Salema, o Chefe de Gabinete Evandro de Souza, a Secretária Municipal de Educação, Denise Botelho, além dos vereadores Fred Piau, Leozão, Sargento Aziz e Paulinho da Farmácia.
O valor anual do convênio passou de R$ 612 mil, em 2017, para R$ 720 mil. O acréscimo visa cobrir gastos com o aumento da demanda registrada pela instituição. “Este ano o valor do convênio foi acrescido em 17% para que a APAE possa ajustar o atendimento à demanda. Esperamos que, ao final do ano, possamos investir mais nesta instituição que tem uma credibilidade única e que presta um serviço fundamental para diversas famílias de nosso município”, revelou o Prefeito Cristiano Marião.
Na Escola Especial Antonino Pinto Mascarenhas são atendidas 178 pessoas a partir dos 5 anos de idade, todas com deficiência intelectual e associadas. A Escola oferece Educação Infantil, Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (dos anos iniciais aos anos finais do Ensino Fundamental). Há ainda dois projetos: um que prepara os alunos para o uso de tecnologias e outro voltado para crianças autistas. A instituição promove também, entre os alunos com Transtornos Globais do Desenvolvimento acima de 15 anos, desenvolvimento da aprendizagem, os talentos, a criatividade e a comunicação social.
Para o Presidente da APAE, Reginaldo Saraiva, a parceria entre a Prefeitura Municipal e a instituição é muito importante para a manutenção da Escola. “A APAE e a Prefeitura são parceiras e queremos que esta parceria dure eternamente. Juntos nós vamos fazer, se Deus quiser, coisas muito boas pela cidade, oferecendo um serviço de qualidade crescente”, ressaltou.
Na visão da Secretária de Educação, Denise Botelho, a assinatura do Termo de Fomento é prova do compromisso da Administração com a Educação inclusiva. “O sentimento de participar deste momento é de grande alegria, porque a APAE é uma instituição exemplar, reconhecida, que conta com profissionais muito dedicados e alunos que nos ensinam, a cada dia, que é, sim, possível vencer os desafios da vida”, entende.

"Prefeito Marião entrega novos veículos à Guarda Civil Municipal e à TransPL"

A Guarda Civil Municipal e a TransPL ganharam novos veículos. A entrega dos quatro carros e duas motos às corporações aconteceu na tarde desta quinta-feira (03), no hipercentro da cidade. O evento contou com a presença do Prefeito Cristiano Marião, do Vice-Prefeito Salim Salema, de secretários, vereadores e policiais militares.

A GCM recebeu uma Spin, um Gol e duas motos equipadas com giroflex e cirene. Já a TransPL recebeu uma Spin e uma caminhonete. A previsão é que, em um segundo momento, a Guarda Civil Municipal receba outros dois veículos e a Guarda de Trânsito, duas motos para a ampliação do trabalho de prevenção, fiscalização e apoio em todo o município.

De acordo com o Secretário de Segurança Pública, Alberto Luiz, os veículos contribuirão significativamente para o trabalho cotidiano dos guardas. “A Guarda Civil Municipal poderá realizar o patrulhamento preventivo em pontos estratégicos, com atenção para as praças e Rodoviária, dando mais sensação de segurança aos lojistas e transeuntes. Já a TransPL poderá atuar mais incisivamente na fiscalização e no sentido de conferir uma nova dinâmica, dar fluidez, ao trânsito da cidade”, destaca.

Para o Prefeito Cristiano Marião, o município tem se empenhado em dar suporte ao estado ao investir cada vez mais na Segurança Pública. “Diante da crise na Segurança no Brasil, os municípios têm assumido, em parceria com os estados, o compromisso de dar segurança à população. Pedro Leopoldo não foge a esta regra. Estamos investindo na GCM, na TransPL, e investiremos ainda mais porque entendemos que se a população tem segurança, ela tem, acima de qualquer coisa, qualidade de vida”, ressalta.

Na cerimônia de entrega das viaturas, foi lançado ainda o 153, número da Central gerenciada pela Guarda Civil Municipal e disponível para que a população acione a corporação em ocorrências de menor potencial ofensivo e casos de suspeitos. A Central estará disponível 24h. Casos avaliados como de maior gravidade e/ou complexidade serão repassados à Polícia Militar.

"Dia do Trabalhador é comemorado com shows e rua de lazer"

O 1º de maio não passou em branco em Pedro Leopoldo. A Secretaria Municipal de Cultura, Esporte, Lazer, Juventude e Turismo realizou, na noite de segunda e ao longo de toda a terça-feira, a Festa do Trabalhador, em Lagoa de Santo Antônio. A criançada fez gastou todas as energias na grande rua de lazer, com brinquedos infláveis, pipoca e algodão doce. Já os adultos, curtiram dez shows musicais variados.

Do palco da festa, o Secretário Municipal de Cultura, Daniel Costa, mandou um recado para quem prestigiava o evento. “Conforme orientação do Prefeito Marião, tudo foi preparado com muito carinho para os trabalhadores, os pedroleopoldenses que fazem a cidade que temos. Nada mais justo que proporcionar esse momento de descontração em família a todos vocês, os donos desta festa!”, disse.

"Encontro Nacional de Muladeiros atrai mais de 5 mil pessoas ao Parque de Exposições"

Realizado no último final de semana, no Parque de Exposições Assis Chateaubriand, o XII Encontro Nacional de Muladeiros proporcionou aos moradores de Pedro Leopoldo e turistas uma verdadeira imersão no universo rural. Além dos concursos, que reuniram centenas de animais de cinco estados brasileiros, o evento contou com exposições e shows sertanejos. O público aprovou a festa, que não era promovida há cinco anos. Os organizadores calculam que tenham passado pelo Parque de Exposições mais de 5 mil pessoas.

O Prefeito Cristiano Marião marcou presença no evento e recebeu a visita de prefeitos das cidades do Vetor Norte. Para ele, o XII Encontro Nacional de Muladeiros foi um grande sucesso. “A festa retornou com muita força. Superou as expectativas de todos os envolvidos. A tendência é que ano que vem seja ainda melhor, atraindo mais competidores, mais turistas e mais renda à nossa cidade”, comemorou

"Representantes políticos e população dizem “NÃO” ao pedágio na MG-424"

Na noite de ontem (9), foi realizada, na Escola Municipal Luiz de Melo Viana Sobrinho, a reunião pública que tratou da concessão da MG-424. A medida  prevê a implantação de praças de pedágio na rodovia, sendo uma delas no trecho entre Pedro Leopoldo e Belo Horizonte.

Representantes políticos, empresariais e munícipes das cidades do Vetor Norte estiveram presentes no encontro. Pedroleopoldenses participaram dando sugestões e mostrando total repúdio à medida do governo.

A licitação para concessão está marcada para o dia 26 de abril. E até lá, a Prefeitura Municipal de Pedro Leopoldo promete esgotar, ao lado da população, todas as alternativas para impedir que o pregão seja realizado.

Na quinta-feira (12), a Prefeitura promove reunião com a Promotoria de Pedro Leopoldo e de Vespasiano, que atende a São José da Lapa, município onde uma das praças tende a instalada. Até a próxima semana, a Administração Municipal pretende concluir o protocolo para a suspensão da licitação. Um abaixo-assinado já corre a cidade e está disponível também na internet. Manifestações na via não estão descartadas.

“Não mediremos esforços para que o governo recue com essa decisão. A verdade é que a estrada que liga Pedro Leopoldo a Belo Horizonte já está pronta. Já foi paga pela população. A implantação dessa praça de pedágio é descabida e nos coloca em situação grande vulnerabilidade. Não iremos aceitar!”, enfatizou o Prefeito Cristiano Marião. (mais…)

"Prefeitos do Vetor Norte se articulam contra pedágios na MG 424"

O Prefeito Cristiano Marião e o Vice Salim Salema deram início a uma nova etapa na luta contra a instalação de uma praça de pedágio entre Pedro Leopoldo e Belo Horizonte. Nesta semana, eles se reuniram com outras lideranças políticas da região e empresários do Vetor Norte para a rearticulação do grupo, que tem se colocado contrário à medida desde o anúncio da Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop).

De lá para cá, a Setop promoveu audiências públicas nas cidades de Pedro Leopoldo, Sete Lagoas e Belo Horizonte. Em Pedro Leopoldo, a população compareceu em peso no auditório do SENAI, em novembro passado. A reunião foi marcada por protestos do início ao fim da apresentação do Secretário Murilo Valadares. Marião discursou e afirmou ser contrário ao planejamento do governo estadual em relação à instalação de uma praça de pedágio na cidade. Um documento contendo a manifestação de apoio de inúmeras entidades municipais foi protocolado e endereçado ao Governador Fernando Pimentel.

Em dezembro, o assunto também foi debatido pela Comissão de Defesa do Consumidor e do Contribuinte da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). Marião utilizou os microfones da Casa Legislativa para pedir apoio dos deputados na luta contra a instalação do pedágio na cidade e, mais uma vez, protocolou novo documento elencando as razões que levam o município de Pedro Leopoldo a se opor à medida.

União para impedir o pedágio

Para Marião, a união de forças é fundamental. “Essa união se demonstrou muito efetiva em nossa região. Foi a partir dela que as obras no Trevo da MG 424 foram realizadas; os voos permaneceram no Aeroporto de Confins e o Catarata Zero eliminou a fila de espera por cirurgias de catarata em Pedro Leopoldo e em outras quatro cidades. Estamos juntos novamente para impedir que a população da região saia prejudicada “, disse Marião.

A preocupação da atual Administração envolve, dentre outras questões, o provável aumento de tarifas do transporte público intermunicipal e a possível perda do interesse de empresas da Região Metropolitana de Belo Horizonte pela mão de obra pedroleopoldense. “Caso uma praça de pedágio seja instalada entre Pedro Leopoldo e a capital mineira, o efeito tende a ser muito danoso. Então não mediremos esforços para lutar contra a decisão do governo”, finalizou Marião. (mais…)